Tu é Mó Engraçadão, hein?

É muito difícil ser engraçado. Até já disseram por aí que, em artes cênicas, fazer rir é mais difícil que fazer chorar. Talvez por isso tenha pouca gente desempenhando bem o ofício de ser palhaço ou humorista. Que, convenhamos, é um baita dum trampo bacana, fala a verdade! É bem legal quando contamos uma piada e a galera racha o bico, não? Então…

A Lei Eleitoral, de 1997, no seu art. 45, inciso II*, restringe o uso de imagens de políticos em programas humorísticos em época eleitoral, com o objetivo de não expô-los ao ridículo e, com isso, acabar influenciando negativamente a sua candidatura. Uma liminar concedida pelo STF, esses dias aí, acabou com a restrição neste pleito, depois que iniciaram um Movimento dos Humoristas Censurados (tipo um “Cansei” do riso). Por “iniciaram”, entenda-se, Cassetosos, CQCzildos, Paniquentos e mais uns formadores-de-opinião-super-engraçados-que-pessoal-curte-à-vera.

Censura é realmente uma merda; sou contra, todo mundo é contra. Mas eu sempre fico com o pezinho atrás quando não vejo o mínimo de coerência e lógica em certos defensores de causas, mesmo que sejam as mais justas e bacanas possíveis. Afinal, Hitler vendeu aos alemães uma idéia supimpa, a da Alemanha grande. Geral do chucrute curtiu, deu o maior apoio, e o resto você já sabe.

Como eu ia dizendo, o pessoal do humor descolado se insurgiu EM 2010 contra uma resolução de 1997. É, eu sei: em 1997 o Tas era só o Professor Tibúrcio, e nem na Argentina tinha CQC. Então, mesmo sendo o Marcelo um antipetista empedernido (nada contra), ficava difícil enfiar o Lula dentro do Castelo Rá-Tim-Bum, fazendo companhia ao Mau (que até parece o Lula, mas nada a ver) nos encanamentos, ou a botar a Marta dentro da árvore da Celeste.

Briga daqui, choro dali, o Ayres Brito vai lá e concede a liminar. OBA, agora eu não vou rir mais só do Tiririca e do Batoré no Horário Eleitoral! Os humoristas agora vão poder soltar suas piadas mortais a granel! Mote é o que não falta! 1, 2, 3 e… EEESTÁÁÁ VALEEEENDO!

NUOSSA! Eu tô me acabando de rir! Você não? Poxa... ah, cê NÃO entendeu, né? Quer que eu explico?

NUOSSA, TÔ ME ACABANDO DE RIR! #RILITROS KKKK!!!11 ASHUAHUASHU LOL NAUM ENTENDEU? PERAÍ QUE EU EXPLICO…

Acho que não era beeem a lei que impedia o humorista aí de cima de fazer graça com político, era a falta de capacidade intrínseca do Cassetoso Cláudio Manoel. E, pelo visto, o objetivo dele com a manifestação cínica cívica parece ser bem outro do que bradar contra a censura deste Estado Policial.

*- tô dando uma de @1nho: acertei o texto, porque o Da C.I.A. mostrou um equívoco meu quando comentou aqui. Grato.

15 respostas para Tu é Mó Engraçadão, hein?

  1. qualquergordotemblog disse:

    clap, clap, clap, clap, clap, clap, clap!!! Melhor que a Hildegarde Angel.

  2. Da C.I.A. disse:

    Vc entendeu errado. Não era uma resolução do TSE de 1997, mas a LEI ELEITORAL! A LEI ELEITORAL vigente é de 1997.
    O que aconteceu agora foi que houve uma consulta ao TSE sobre aplicação de uma parte desta LEI, o ARTIGO 45, segundo a qual a partir de 1/07 do ano eleitoral seria proibido ” veicular(…) programa com alusão ou crítica a candidato ou partido político, mesmo que dissimuladamente, exceto programas jornalísticos ou debates políticos”

    Isto não é novidade. Em 2002, em consulta ao TSE também foi criada uma nova interpretação da mesma LEI ELEITORAL. Foi ali que instituiu-se a verticalização das eleições, segundo a qual partidos coligados nacionalmente não poderiam em Estados se unir a adversários da eleição federal.

    Você pode não gostar dos humorísticos, você pode achá-los sem graça, mas eles estão certos em reclamar e você está errado: NUNCA ANTES NESTE PAÍS houve tal proibição desde o reestabelecimento da democracia.

    Ótima observação, Da C.I.A. Realmente, não está se discutindo uma simples resolução ou parecer do TSE (como eu toscamente chamei no post), e sim a PRÓPRIA LEI 9504/1997, sancionada pelo então vice-presidente da República, Marco Maciel em 01/10/1997. Deve ter sido sancionada por ele porque, à época, o presidente deveria estar em alguma viagem ao exterior, tanto que o próprio Casseta&Planeta o apelidou de “Viajando Henrique Cardoso”. Houve uma CONSULTA ao TSE sobre a aplicação do art. 45, inciso II, que diz, in verbis:

    II – usar trucagem, montagem ou outro recurso de áudio ou vídeo que, de qualquer forma, degradem ou ridicularizem candidato, partido ou coligação, ou produzir ou veicular programa com esse efeito;

    . O TSE (poder JUDICIÁRIO, independente do executivo), foi consultado e entendeu que isto se aplicava aos Cassetas, CQCs e quejandos. Deveriam os diligentes humoristas terem se insurgido contra essa “aberração e grave risco à liberdade de expressão” QUANDO DA PROMULGAÇÃO da referida lei. Não é porque as leis “não pegam” aqui no Brasil que você perde o direito de invocá-las quando bem entender. MAMAMAMAs, mudando de pato pra ganso: você achou esta charge do CM engraçada?

  3. Walter (@Walters_k) disse:

    lembre-se que esse pessoal cassetístico é, assim como a emissora, isento, imparcial e acima de tudo, comprometido com a igualdade no tratamento dos candidatos…

    repare que depois de dizer que a Dilma é autoritária, burra e tals, no post seguinte, preocupado com a imparcialidade, chama o José Serra de Zé mané…

    uma piada tão engraçada quanto a que está em questão no seu post, caro @viniciusdurte…

    Não vi essa aí ainda. Vou ver.

  4. qualquergordotemblog disse:

    Agora foi o La Peña (desta vez atacando o outro lado)

    http://bit.ly/aP8mzp

    Deixa eu ver isso aí.

  5. Luiz Ribeiro disse:

    Já não é de hoje que os nossos humorístas estão com o repertório superado. Seja qual for o tema, eles não fazem a mínima graça, logo, uma possível mordaça aos dito cujos fica parecendo matar barata com garrucha. Tinham mais é que fazer programas sem áudio somente com as “beldades” rebolando. Ia dar o maior ibope.

  6. Claudio disse:

    Conforme eu disse no twitter, a piada não ganhou nenhum voto pro Serra como também perdeu o voto do Dunga no careca…

  7. Fábio Peres disse:

    Lembro que na semifinal do CQC o Pedrão do Velhas Virgens, que é muito mais incisivo do que a Monica Iozzi, perdeu a eliminatória porque teve coragem de fazer pergunta para o Serra sobre cigarro.

    Porque, é lógico, com o maior dos Iluminatti da política brasileira, que nos salvará do mal, não se pode tirar sarro; mas da Dilma, ah, essa pode tudo, né?

    Que em 03/10 mandem o Mumm-Ra da mídia para o sarcófago de onde ele jamais deveria ter saído … assim seja.

  8. Da C.I.A. disse:

    Oras, a charge dele ( padrão kibeLock )poderia ser feita com ou sem a interpretação do TSE pois ela só é válida para rádio e TV, que são concessões públicas.
    Agora, se nem o TSE, se nem os políticos, se nem o MP se manifestou anteriormente com a interpretação extrema de que não se podia fazer humor com eles, por que os humoristas de então teriam que ter esta visão?
    O que não consigo entender é porque vocês, partidários da Dilma, tomaram o caso como ofensa ou crítica político-partidária. Não tem nada disso!

    “Vocês, partidários da Dilma” não, amigo! Tem uma página aí no blog me identificando politicamente. Eu voto Plínio de Arruda Sampaio.

  9. Ia comentar, mas acometido de um ataque risos desisti.
    Vou consultar um especialista em humor, o Zé do Caixão!

    Rrrrealmiiieeente…

  10. Hannibal disse:

    Casseta-da que merda, humor medíocre, políticos medíocres, imprensa tendenciosa e medíocre… não se salva um? Depois a culpa é do polvo?! kkkkkkk

    Pobre polvo…

  11. [...] Atualização: O Dunga (no texto abaixo) é um cara bem mais engraçado do que os piadeiros em questão. Ele sabe fazer uso de ironias. E o meu amigo @viniciusduarte é ainda mais competente ao fazer textos escrachados e divertidos pra mostrar como esses caras piadeiros são mesmo de uma incompetência sem igual. Vá lá no Com Fel e Limão se divertir no post Tu é mó engraçadão, hein? [...]

  12. [...] Atualização: O Dunga (no texto abaixo) é um cara bem mais engraçado do que os piadeiros em questão. Ele sabe fazer uso de ironias. E o meu amigo @viniciusduarte é ainda mais competente ao fazer textos escrachados e divertidos pra mostrar como esses caras piadeiros são mesmo de uma incompetência sem igual. Vá lá no Com Fel e Limão se divertir no post Tu é mó engraçadão, hein? [...]

  13. Leonardo disse:

    Mandou bem demais, meu brother.

  14. Felipe Rodrigues disse:

    Meu caro Vinícius Duarte, não é de hoje que o acompanho. E sempre me divirto bastante com seus posts (além de aprender bastante e compartilhar de gostos como o time de futebol e a reverência a Milton Leite).
    Agora, falando em humor, engraçado mesmo é Chaves & Chapolim, o resto é insulto travestido de bom humor. Conversa de bar, tiração de sarro que qualquer bobo faz (e não há mal nisso, eu mesmo faço), mas ao qual eu me recuso a acreditar que tanta gente assim acha tão genial. Mais uma vez: gênio é o Bolaños, que consegue arrancar risos, refletir, provocar e, ao mesmo tempo, fazer rir uma criança de dois ou quatro anos. O resto, muitas vezes, não vale nem o comentário…
    Abração, rapaz
    Felipe Rodrigues

    Sem a MENOR sombra de dúvida: Bolaños é GÊNIO do humor, faz um esquete e todo mundo na sala ri, desde o bebê até o velhinho. Mas tem muita coisa boa (Monty Python, Chico Anysio, por ex.). E os cassetas já foram bons (faz tempo, mas eram). E se você é tão crítico no quesito humor e ainda se diverte comigo, fico PUTA ENVAIDECIDO, mano. Valeu. Abraço.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 431 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: