Zé Rodrix

Morreu hoje, aos 61 anos, Zé Rodrix. Desnecessário falar do seu talento como músico, arranjador e compositor. 
Outro dia, comentava com a Cris sobre o fato da propaganda de hoje não ter mais jinglistas, com os publicitários preferindo “comprar” obras de sucesso para ilustrar seus comerciais. Bradesco tem como trilha sonora “Fácil”, do Skank, a Ivete Sangalo já vendeu meia dúzia de músicas para comerciais. Até a “Sex Machine” do James Brown virou “Coffee Machine”… Tem muitos outros exemplos.
Zé Rodrix compôs jingles absolutamente inesquecíveis para uma propaganda brasileira que, indiscutivelmente, era muito mais criativa, fazia mais com muito menos recursos. Esse aí de cima é o meu favorito. Imagina se algum publicitário de hoje iria filmar o compositor do jingle, gravando num estúdio, para um comercial de carro. É genial, e demonstra o reconhecimento do publicitário pela obra de arte que foi essa peça do Zé Rodrix. 
Hoje eles gastariam o triplo do orçamento deste comercial só em efeitos especiais de imagem. Ou para “comprar os direitos” de alguma “música” do Latino.
Anúncios

One Response to Zé Rodrix

  1. André Luís Nogueira disse:

    Os futuros adultos não beberão cerveja lembrandro das músicas dos comerciais da infância. (tudo bem que já encheu o saco, meus amigos tem uma memória absurda)
    Triste.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: