O São Paulo e seu Futebol-Barnabé

"Chefe, caiu o sistema! Faz o quê?" "Ah, sei lá, pergunta pro Rogério!"

O SPFC passou pelo Juventus do Peru no Morumbi. Empatou, mas levou nos pênaltis. “Ganhou” de um time que, se jogasse o Paulistinha A-2, seria rebaixado. Um time que tem o Galván na zaga, com 50 anos, fazendo dupla de zaga com um maluco chamado RABANAL. Vamos falar sério sobre isto.

Funcionários públicos são estáveis, só perdem o emprego se cometerem faltas gravíssimas (do tipo roubar). É uma vida tranquila, mas meio chata: vão lá, todos os dias, batem cartão, fazem o serviço deles e voltam pra casa, nesse ramerrame até chegar o dia da gloriosa aposentadoria.

O SPFC tá um time muito parecido com uma BOA repartição pública: as coisas funcionam razoavelmente bem, contanto que nenhum imprevisto ocorra; o público é atendido ali, no limite, e pronto. Ninguém fica com tesão de visitar uma repartição pública, vai porque precisa do serviço. A torcida tá comparecendo, mas não se empolga com o que vê e, quando dá “pau no sistema”, fica irritada e chia na fila, com razão.

Em toda repartição pública o “sistema cai”, né? E aí? Aí fica todo mundo esperando “voltar”. Para que isso aconteça, é preciso que um humano interfira. Com o SPFC, este é o problema: não há, há muito tempo, um cara pra “recuperar o sistema”. Em toda situação difícil (e mata-mata é sempre situação difícil), os jogadores desaparecem, como funcionários públicos que dizem “ah, isso não é problema meu, é o sistema…“. A bola queima no pé dos Jorges Wagners (escriturários). Um time de futebol decente não se faz com um goleiro e 10 Jorges Wagners.

O treinador (chefe da seção) parece ser um cara bacana e tal, mas não entende direito do “computador”, não se compromete e, sinceramente, nem acha que é tão bom assim para o cargo que lhe deram; o camisa 10 (subchefe) só está no cargo por falta de outro servidor que assuma a função. Na verdade, ele é só um escriturário adaptado, uma situação provisória que está virando permanente.

fica tudo na mão do goleiro (funcionário mais experiente) que, de tanto ver o “sistema cair”, já aprendeu as manhas do troço. Ele é esforçado, ama o seu trabalho e a repartição, mas não pode fazer tudo sozinho enquanto os outros ficam olhando pras paredes e tomando cafezinho na copa. E, de tão voluntarioso, se mete até a fazer coisas que não sabe muito bem, como bater pênaltis.

E, bom que se diga, não falta “raça” (como burramente alguns pediram durante o jogo de ontem, enervando mais ainda os jogadores) aos barnabés tricolores. Falta TALENTO, improviso, criatividade e, principalmente, alguém com a coragem de, quando o “sistema cair”, dizer aos escriturários: deixa comigo que eu resolvo. Afinal, o Rogério é um servidor exemplar, mas não vai durar pra sempre e tá com o saco cheio de fazer o trampo que os colegas fingem não ser deles.

Passamos para as quartas, o sistema voltou. Tomara que não haja nova pane.

Anúncios

14 Responses to O São Paulo e seu Futebol-Barnabé

  1. Vinicius você falando em repartições públicas me fez lembrar da história dos dois paletós:
    O cara deixa um paleto no encosto da cadeira, no cabide se houver. Marca o ponto e desaparece o dia inteiro. Toda vez que alguém pergunta por “fulano” alguém olha e diz;
    – deve estar por aí, o paletó dele está na cadeira…

    É mais ou menos o caso do time citado:
    – Cadê o fulano?
    – Deve estar no campo, a camisa dele não tá no saco…

    Exatamente: “O Jorge Wagner tá aí?”. “Tá, mas tá em serviço interno”. E a fila comendo lá fora.

  2. Valmir disse:

    Já te disse. O São Paulo é uma cervejada de kronnenbier; beijo de língua na irmã. Time chato, sem os altos e baixos inerentes ao futebol. Nem em torneio eliminatório consegue apresentar um mínimo de emoção (me arrisco a afirmar que até nos pênaltis a coisa foi sem sal nem açúcar, pois todo mundo sabia que o Rogério pegaria pelo menos um deles).
    Vendo o São Paulo com a sua irritante estabilidade e, certo que esta estabilidade o fará sempre um dos melhores pontuadores dos torneios de pontos corridos, dá uma vontade bem grande de concordar com o que disse o Flávio Gomes, sobre essas formas de competção.
    E não passa da próxima fase, não … pelo menos não merece.

    Simplesmente irritante. “cervejada de Kronenbier”… hahaha. Acho que tá mais pra Bavaria sem álcool.

  3. qualquergordotemblog disse:

    Bem feito! Não quis torcer pro Santos…

    Todo time tem seus momentos com os Paulo Robson, GugaGol, Márcio Fernandes, Aluísio, Marola, William e Alberto da vida, né?

    • qualquergordotemblog disse:

      Pra quê que tu foi me lembrar disso, meu Deus! Hahahahahahahaha!!! O Alberto ainda tem moral comigo por causa da bicicleta contra o Corinthians em 2002, mas o resto…vixi!

      Do William você não quer falar nada, né? E olha que eu esqueci do Paulo Almeida. 😀

      • qualquergordotemblog disse:

        O Paulo Almeida é bonitão. Parece comigo! [:)]

        Jogava tanto que acabou a carreira no Amazonas (?). E tu, além de gordo é feio, hein? 😀

  4. Marcus Sousa disse:

    hahahaha puta merda, perfect…

    😀

  5. André Nogueira disse:

    E o meu time que temfuncionário fantasma…

    Os nossos nunca faltam ao serviço, amigo, não são fantasmas. Pobre SCCP… 😀

  6. Valmir disse:

    O time do André tem um cara doente … com obesidade mórbida … deveria tirar licença médica, rsrs

    Só uma “cirurgia do Faustão” pra resolver aquilo.

    • André Nogueira disse:

      E o seu tem um camisa 7 que é auxiliar de almoxarifado metido a craque.

      Haha, parece que o almoxarifado do Palmeiras ficou sem auxiliar, pegaram o cara roubando caneta e mandaram embora.

  7. Cara, o que mais me deixa maluco nessa história toda são as coletivas pós jogo, onde jogadores, dirigentes e membros da comissão técnica insistem em dizer que está tudo sob controle, e que o São Paulo está no caminho certo. Porra dá nojo o cinismo desses caras.

    Igualzinho funcionário público quando cai o sistema: “Tem de aguardar, senhor, estamos providenciando…”

  8. O RG vai rodar em breve.
    Isso ai tá mais do que na cara.

    Agora, olha só o Painel FC de hoje:
    Confiança… “Se o contrato do Ricardo [Gomes] acabasse hoje, seria renovado”, disse o diretor de futebol do São Paulo, João Paulo de Jesus Lopes.

    …abalada. Porém, antes de de deixar o Morumbi anteontem, o dirigente escutou de um torcedor que o São Paulo deveria incluir seu treinador em uma troca com o Goiás pelo atacante Fernandão.

    KKKKKKKKKKKKKK

    ***(*) ******(*)

    RG tá perdidinho, mesmo. Parece que o SPFC acaba de acertar com o Fernandão, dando o Carlinhos Paraíba + $ 800.000. Eu não abriria mão do Carlinhos, o time não tem um cara como ele. Não tá indo bem, mas o Marlos também não ia e, de repente, acertou. Tá faltando paciência pra diretoria do SPFC.

  9. Angelo disse:

    É sempre assim. Aí vai na feiúra e na botinada máxima, na perebice extrema, capengando e leva ou chega longe! Aí é o melhor time do mundo! Vc mesmo, seu Duarte, foi do extremo ao outro ontem em 20 sgs…pelo penalti perdido pelo Rogério depois defendido!

    Vcs ganham aos trancos e barrancos, mas a torcida é ridícula! Sem discussão! HAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHA

    abs

    Sim, claro, nobre flamenguista magnético! Eu tenho várias capturas de vídeo da torcida do teu time SE BORRANDO quando o SCCP fez 2×0. Quietinhos como carneiros pastando. Depois do gol do Love, parecia a gaiola das loucas. Ticatá, moleque! 😀

  10. Angelo disse:

    BUHAUHAUHHUAUHAHUAHU! Grandes merdas! E vc foi o PROFETA que AFIRMOU LOUCAMENTE no twitter, depois do primeiro jogo, que o “Corinthians tá classificado”, “o Fla n vai aguentar a pressao no Pacaembu”. Assim como nosso amigo Julio Cesar me disse que o Flamengo nao ganharia do CURINTIA nem no ultiverso! (que deve ser essas coisas de nerd hqzeiro). A soberba cobra o preço, amigo. Vc merece um CHUPA pela empáfia! 🙂

    Sim, a empáfia é sempre a alheia. Viva o futebol!

  11. Marcelo Abdul disse:

    Acho que está mais do que na hora de colocar os estagiários. Pelo menos eles mostram algum serviço no começo. Mas parece que a diretoria quer insistir nos funcionários “modelos” e com pereba no pé. Lamentável.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: